domingo, 10 de maio de 2015

O VALOR DE UMA VERDADEIRA AMIZADE

FONTE DA IMAGEM; GOOGLE.(Pr. Anderson Britto).

TEXTO: Marcos 2:1-12:  E alguns dias depois entrou outra vez em Cafarnaum, e soube-se que estava em casa.

E logo se ajuntaram tantos, que nem ainda nos lugares junto à porta cabiam; e anunciava-lhes a palavra.

E vieram ter com ele conduzindo um paralítico, trazido por quatro.

E, não podendo aproximar-se dele, por causa da multidão, descobriram o telhado onde estava, e, fazendo um buraco, baixaram o leito em que jazia o paralítico.

E Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, perdoados estão os teus pecados.

E estavam ali assentados alguns dos escribas, que arrazoavam em seus corações, dizendo:
Por que diz este assim blasfêmias? Quem pode perdoar pecados, senão Deus?
E Jesus, conhecendo logo em seu espírito que assim arrazoavam entre si, lhes disse: Por que arrazoais sobre estas coisas em vossos corações?
Qual é mais fácil? dizer ao paralítico: Estão perdoados os teus pecados; ou dizer-lhe: Levanta-te, e toma o teu leito, e anda?
Ora, para que saibais que o Filho do homem tem na terra poder para perdoar pecados (disse ao paralítico),
A ti te digo: Levanta-te, toma o teu leito, e vai para tua casa.
E levantou-se e, tomando logo o leito, saiu em presença de todos, de sorte que todos se admiraram e glorificaram a Deus, dizendo: Nunca tal vimos.

FONTE:GOOGLE.
Este texto narra um milagre extraordinário ocorrido na própria casa do Senhor Jesus Cristo em Cafarnaum, que como diz o texto estava tão cheia de pessoas de tal maneira que, nem pelas portas, janelas ou outros lugares havia passagem para o enfermo carregado pelos seus quatro amigos. 
Devido a tal acontecimento, os amigos do doente tomaram uma decisão inusitada, podemos dizer , que o fato foi até mesmo, nada convencional, e que até hoje nos causa grandes emoções.

Já que hoje vamos falar sobre a importância de uma verdadeira amizade, que tal iniciarmos com uma pergunta: O que seria daquele pobre homem moribundo, não fosse seus quatro amigos?

O ser humano é social por natureza. Podemos dizer que Deus já colocou esta característica em seu DNA. Existe em todo ser humano essa necessidade de relacionamento e isso começou lá no Éden quando Adão foi criado. É por isso que quando uma pessoa quer ficar isolada sem falar com ninguém podemos dizer que ela está passando por problemas sérios como por exemplo uma doença emocional; pois todo ser humano sadio tem necessidade de conversar, brincar ouvir e ser ouvido por outras pessoas.
Sendo assim já podemos tirar a nossa primeira conclusão: Amizade não é opção é uma necessidade.
O  maior de todos exemplos é o próprio Deus, que todas as tardinhas comparecia ao Jardim do Éden para conversar com Adão e depois com o casal. Jesus Cristo também , cem por cento homem e cem por cento Deus, ao passar a noite orando, ao descer do monte separou doze homens para serem seus amigos. Um pouco mais tarde vamos ouvi-Lo dizendo: "Já não os chamo de servos, mas de amigos".
Ora, se o próprio Deus, sendo Deus, busca relacionar-SE com as pessoas, como nós, pobres seres humanos, não vamos necessitar de amigos?
Será que podemos encontrar mais ensinamentos através do texto que expomos acima? Claro que sim...

1. UMA VERDADEIRA AMIZADE NÃO PASSA DESPERCEBIDA NA NOSSA VIDA, ELA NOS CAUSA IMPACTO.

Um amigo é alguém que gosta de nós. Um amigo é alguém em quem podemos realmente confiar. A verdadeira amizade é constante, não muda e outra, ela é impactante, o verdadeiro amigo exerce uma forte influencia em nossas vidas e nos ajuda a vencer limites.
Valos destacar mais um texto da Palavra de Deus, desta feita em  Provérbios 17.17: "Em todo o tempo ama o amigo e para a hora da angústia nasce o irmão". A amizade é constante, incondicional. Vemos que é no momento da tristeza, da dor, da angústias, dos maiores problemas e adversidades da vida, que nasce o amigo. É por isso que a Bíblia diz que "há amigos mais chegados que irmão". Isso é um fato.
Quem não conhece a famosa parábola de Lucas 15. Lá o Doutor Lucas, nos conta sobre o filho pródigo, aquele rapaz que, por ser já maior de idade, pediu ao pai, antecipadamente o valor da herança que lhe era devida, pois queria aproveitar a vida e sair do trabalho pesado lá da fazenda. O pai ficou triste mas mesmo assim fez as contas e deu em dinheiro, o valor correspondente ao pedido do filho e, este agora rico, ficou cheio de amigos. Eram amigos e amigas que não acabavam mais. Lucas nos diz que o moço gastou aquele dinheiro dissolutamente, ou seja, na farra com os amigos, na prostituição, nos vícios, com tudo aquilo que na época de mal existia, aquele jovem com os seus amigos e amantes aproveitou. Mas chegando um certo dia, como é sabido por todos, sempre que não há entradas e só saídas o saldo acaba zerando e, com o jovem da parábola não foi diferente, pois chegou um dia que o seu saldo estava zerado a ponto de ele vir a passar necessidade e ninguém lhe dava nada. Ele agora foi abandonado por todos. Chegou ao ponto de pedir trabalho a todas as pessoas e não conseguia em lugar nenhum, até que um dia um certo criador de porcos, lhe deu o serviço, mas não lhe pagava nada. A Bíblia diz que que desejava alimentar-se com as bolotas que os porcos comiam, ou seja, eram as famosas alfarrobas, uma planta que na época de seca os agricultores davam aos porcos. Eram em formatos de vagens. E como deveria ser humilhante para um judeu cuidar de porcos...
Mas o que é interessante aqui é a seguinte interrogação: Onde estão os amigos do rapaz? Todos desapareceram. Amigos de verdade são constantes, nunca desaparecem. 
E foi naquele momento de crise moral e física que o jovem conseguiu lembar-se de seus verdadeiros amigos, ou seja, de sua casa, de seu pai. E ai tomou a decisão de voltar e como todos sabem o pai o recebeu de braços abertos porque é assim que fazem os amigos de verdade, mesmo quando são traídos.

2. OS VERDADEIROS AMIGOS NÃO SÃO LADRÕES DE SONHOS, PELO CONTRÁRIO, ELES NOS LEVAM A PÔ-LOS EM PRÁTICA, A VENCERMOS LIMITES.
Um amigo de verdade nos fala não somente aquilo que gostamos de ouvir, mas, também aquilo que precisamos ouvir. Um amigo verdadeiro, na verdade é um anjo colocado por Deus, ao nosso lado, para nos ajudar em todos os momentos de nossas vidas, seja para festejar os bons momentos ou nos amparar na hora que o dia mal começar, pois todos nós um dia vamos encará-lo. Estamos na fila.
Já foi testada e aprovada a importância de uma verdadeira amizade e a influencia que ela exerce sobre cada um de nós. Ouvi dizer que certa vez nos Estados Unidos quiseram saber quanto tempo uma pessoa aguentaria sentada sobre um pedaço enorme de gelo. Então eles pegaram um pessoa e colocaram-na lá sozinha sentada sobre o gelo e ela ficou um determinado tempo e não aguentou mais do que aquilo; depois pegaram uma outra pessoa e desta feita com dois grupos de amigos um de cada lado. E durante todo o tempo os dois grupos animavam a pessoa a ficar mais, a aguentar mais. A todos os momentos os dois grupos incentivavam e motivavam a pessoa dizendo-lhe palavras de conforto, fé, força e determinação. Moral da história: O que ficou com os acompanhantes, amigos de verdade, aguentou um período de tempo três vezes mais do que o outro solitário. Amigos são anjos que Deus coloca ao nosso lado para nos ajudar. Quantos amigos você tem? 

3. VERDADEIROS AMIGOS VÃO ATÉ AO FIM. VERDADEIROS AMIGOS SEMPRE ESTARÃO A NOS CARREGAR.

Quando temos amigos ao nosso lado. Amigos que acreditam no poder de Deus, eles fazem milagres acontecerem em nossas vidas. O que seria daquele pobre paralítico do texto áureo desta mensagem? Ele não tinha condições de fazer nada, mas ele tinha quatro amigos que estavam a fim de irem até as últimas consequências para verem o milagre acontecer. garanto-lhes que se não fossem amigos de verdade, não enfrentaria aquelas estradas empoeiradas com quase cinquenta graus de calor lá no Oriente médio. E mais: quando chegaram e viram que não havia lugar nenhum para entrar, jamais tomariam aquela decisão de subir no telhado, serrar os caibros e descer o paralítico e colocá-lo frente a frente com Jesus Cristo. Amigos verdadeiros provocam milagres em nossas vidas .

A título de exemplo quero contar-lhes uma história que já vi em vídeo que trata do assunto em tela e também ouvi de meu Pastor, algumas vezes: "Certa vez em uma cidade duas crianças,  Tim e Philip, foram criadas juntas. Fizeram o primeiro e segundo graus juntas e até mesmo a faculdade. Agora formados, os dois resolvem se alistarem nos exércitos dos Estados Unidos. Por ironia do destino esses amigos inseparáveis, ficaram no mesmo pelotão. diz que Tin por ser mais velho, sempre tentava ser o líder, mas nunca brigavam por nada. Eram amigos inseparáveis, como Jônatas e Davi. E novamente por ironia do destino, na Segunda Grande Guerra Mundial, quando os Estados Unidos lutavam contra a Alemanha de Hitler, os dois estavam no mesmo pelotão. Houve um momento que os alemães bombardearam fortemente o local onde estavam os americanos e muitos soldados começaram a morrer até que o comandante deu ordem para que batessem em retirada. Foi neste momento, de pavor, desgraça e tudo mais de ruim que você possa imaginar que Tin sentiu a falta do amigo Philip e, desesperado pediu autorização ao comandante para voltar e buscar o amigo, pois sabia muito bem que, se demorasse mais dois minutos o amigo já estaria morto. Acontece que o comandante achou aquilo uma loucura, pois não havia mais jeito dele voltar, pois no local, onde possivelmente estava o amigo só existia mais bombardeios , mortes e mortes. Seria perigo e desperdício, afinal o cara já estava morto mesmo. Mas um amigo verdadeiro sempre volta. Tim  desobedeceu as ordens superiores e voltou e em meios as bombas, tiros,  fogo, cadáveres, gritos lancinantes de soldados morrendo e o barulho ensurdecedor dos aviões que continuavam despejando bombas e mais bombas, e das armas de fogo, o amigo gritava pelo nome do companheiro Philip e por sorte rapidamente em meio a vários mortos ele encontrou o amigo, colocou-o sobre os ombros e em meio aquele fronte infernal, foi visto ao longe pelos amigos carregando o soldado mortalmente ferido, ou melhor, já estava morto. Tin conseguiu chegar são e salvo do outro lado e então o seu comandante foi muito duro com ele, dizendo: "Vê o que você está fazendo. Você é um louco! Um ignorante, pois está colocando a sua vida em risco. Não está vendo que o seu amigo já estava morto quando você foi ao seu encontro? Então Tin, usando toda a sua força disse: "Não comandante! O senhor está completamente errado, quando eu cheguei lá ele ainda estava vivo. E o senhor sabe o que ele me disse? O comandante mais nervoso ainda perguntou: O quê? Ao que Tim respondeu, agora, chorando: O Philip disse: eu sabia que você voltaria". Amigos, um amigo sempre volta. Um amigo verdadeiro nunca vai nos abandonar, mesmo que já estejamos mortos.
É claro que esse exemplo é só uma demonstração do que é ser um verdadeiro amigo. Os nomes não são reais, foram inventados agora ou é mais ou menos assim. Agora o espírito do assunto é real. Você precisa de uma amigo verdadeiro.

Agora queria terminar falando de alguém em quem você pode e deve confiar. Um amigo certo nas horas incertas. Um amigo que morreu a sua morte,para que você pudesse viver a sua vida. Os homens, como disse, anteriormente, existem amigos verdadeiros, mas eles são homens e podem falhar. Mas neste não há falhas. JESUS CRISTO, NELE VOCÊ PODE E DEVE CONFIAR.

O primeiro amigo que você precisa é de Jesus. E com Ele vivendo em você, com certeza irá providenciar amigos e mais amigos , verdadeiros anjos para lhe ajudar em todos os momentos de sua vida.

Até a próxima. Graça e Paz a todos!!!